expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass' oncontextmenu='return false' ondragstart='return false' onkeydown='return checartecla(event)' onselectstart='return false'>

domingo, 9 de dezembro de 2012

1ª ed. Livro vs Série: Alison DiLaurentis





O que uma garota aparentemente inofensiva, reconhecida por sua beleza, popularidade, liderança e uma presença capaz de ofuscar qualquer um a sua volta, poderia desejar além de tudo o que a vida já tinha lhe dado de melhor

Com longos e encaracolados cabelos loiro-mel, olhos azuis, pele perfeita e um indefectível rosto em formato de coração, Alison DiLaurentis não precisava de mais nada para ter a vida que todos pediram a Deus. Sempre escoltada por duas fiéis seguidoras, e com todos os meninos mais lindos e populares rastejando aos seus pés, ela não precisava mover uma palha para ter qualquer coisa que quisesse em Rosewood. 

Sua vida era perfeita, sua família era rica e Rosewood Day só não estendia um tapete vermelho para ela porque ninguém pensou em fazer isso. Quem é que não queria estar no seu lugar? Muitos, ou quase todos, desejavam isso em segredo; poucos tinham coragem de assumir e uma única pessoa foi corajosa o suficiente para não medir esforços para ocupar seu lugar. E graças a essa pessoa teve início uma tumultuada e tenebrosa série de acontecimentos que tornariam Alison DiLaurentis uma pessoa única, marcando, eterna e definitivamente, a vida de todos a sua volta. 

Temos muito o que falar de Alison e para que tudo fique bem claro temos que falar de sua irmã gêmea, Courtney, a verdadeira responsável pelo fuzuê que revirou Rosewood e a vida de Hanna, Aria, Spencer e Emily pelo avesso. Depois de tudo o que foi publicado nas duas partes da seção e nas resenhas dos livros, vamos abordar, na ordem cronológica, tudo o que diz respeito a Alison, Courtney e os DiLaurentis.

Quem são os DiLaurentis: são cinco os membros da família. Jessica é a mãe e Kenneth, o pai. Jason é o filho mais velho e irmão das gêmeas Alison e Courtney. As irmãs usavam um anel com a inicial de seus nomes (A&C) para que fossem diferenciadas, tamanha era a semelhança entre elas. No livro #7, ficamos sabendo que Peter Hastings é o pai biológico das gêmeas, o que faz de Spencer e Melissa meia irmãs de Jason e das gêmeas. Peter e Jessica se conheceram na época da faculdade e tiveram um caso que resultou na gravidez de Jessica. Nenhuma das famílias sabia a verdade até -A revelar tudo para Spencer.

Quando os DiLaurentis chegaram em Rosewood?

Desde sempre Courtney causava problemas. Apesar de serem gêmeas idênticas, Courtney era obcecada por Alison. Ela tinha sérios problemas mentais e constantemente imitava a irmã e dizia que era Alison. O estopim para que seus pais a internassem foi quando ela tentou afogar Ali na piscina de sua casa. Os DiLaurentis a internaram no sanatório Radley e se mudaram para Rosewood, a fim de levar uma vida pacífica e normal. A existência de Courtney era segredo absoluto, apesar dela fazer visitas frequentes a família. Nessa época, Ali estava na terceira série.

Como era Alison em Rosewood Day?

Ali reinava absoluta no colégio com suas duas fiéis amigas e seguidoras Naomi e Riley. As três decretavam a moda, quem era popular, quem deveria ser convidado para as festas, quem era perdedor ou qualquer outra coisa que dissesse respeito a ser alguém. Todas as meninas queriam ser Ali e todos os meninos queriam ficar com ela. Mas quem ganhou o coração de Ali foi Ian, sua paixão secreta. 

Apesar de estudar na mesma escola das Liars e morar próxima a elas, Ali nunca trocou uma palavra com elas. Quando foi anunciada a gincana da Cápsula do Tempo, Ali falou, para quem quisesse ouvir, que ela já sabia onde estava um dos pedaços da bandeira. As quatro meninas planejaram, individualmente, roubar o pedaço da bandeira de Ali, o que era permito nas regras da Cápsula.

As Liars viram na oportunidade de roubar o pedaço da bandeira uma maneira de mostrar a Ali que ela não podia ter tudo. Elas sabiam que, caso falhassem, seriam motivo de piada; mas caso fossem bem sucedidas, nem que fosse por um dia, seriam elas o assunto principal do colégio, ainda mais por terem roubado a bandeira que estava com Ali.

A troca das gêmeas:

O início da caça aos pedaços da bandeira da Cápsula coincidiu com a época em que o sanatório Radley fechava suas portas. Os DiLaurentis iriam transferir Courtney para outra clínica, chamada Preserve. No final de semana antes da transferência, Courtney estava na casa da família em Rosewood pronta para por em prática seu audacioso e maquiavélico plano de troca de lugar com Ali. 

Aproveitando-se de um momento de distração da irmã, Courtney conseguiu pegar o anel com a letra A e isso foi o suficiente para mandar Ali para a clínica no seu lugar. A verdadeira Alison implorava para os pais acreditarem que ela não era louca e que ela era Alison; mas como esse era o comportamento de Courtney, os DiLaurentis não deram ouvidos e caíram facilmente na armação de Courtney. 

Enquanto os pais se preparavam para levar a irmã supostamente louca para a clínica, as quatro Liars chegaram no quintal da casa deles para roubar o pedaço da bandeira. As meninas ouviram gritos e a voz de Ali e Jason ecoarem dentro da casa e logo se depararam com Ali na varanda. Na verdade, quem estava lá era Courtney, finalizando seu plano. Ela puxou papo com as Liars enquanto seus pais se despediam e colocaram a verdadeira Ali no banco de trás do carro e foram para a Preserve. 

Pronto: o plano de Courtney deu certo. Ela se despediu das meninas e foi para seu novo quarto. A partir daí, com exceção da passagem em que Ali anuncia que sabe onde está a bandeira, no bicicletário da escola, tudo o que lemos nos livros sobre Ali é Courtney quem está protagonizando os acontecimentos.(Entenda melhor a troca das gêmeas com a análise do Diário de Ali)

A amizade com as Liars:

Claro que era bom demais pra ser verdade que Alison DiLaurentis estava conversando amigavelmente com as Liars. Ela jamais faria isso. As meninas ficaram amigas de Courtney.

A partir de agora vamos usar os nomes Courtney e Alison para que a história fique bem clara.

Courtney tinha problemas mentais mas era muito inteligente. Seu plano foi executado perfeitamente e ela personificou a irmã de uma maneira tão convincente que ninguém foi capaz de desmascará-la. Ela não escolheu as meninas por acaso. Ela sabia que Naomi e Riley a desmascarariam assim que a vissem. Por isso, ela escolheu quatro meninas desconhecidas, e nada populares, que fariam qualquer coisa por ela e a protegeriam.  

No dia seguinte ao encontro com as meninas no quintal, não se falava em outra coisa na escola a não ser que Alison tinha quatro novas amigas e rompeu, sem motivo algum, com Naomi e Riley.

Courtney precisava garantir que nunca seria abandonada pelas quatro amigas e soube manipulá-las da melhor maneira possível. As Liars demoraram para perceber, ou melhor, só foram perceber após o corpo de Courtney ser encontrado, que ela sabia de todos os segredos delas, enquanto elas não sabiam nada sobre ela. Essa foi a maneira que Courtney encontrou para manter as rédeas sobre as meninas e seguir com seu plano, relatando tudo o que sabia em seu diário.

Sobre Aria, Courtney sabia que Byron traia Ella com uma de suas alunas, Meredith. Sobre Emily, sabia que ela tinha uma queda por meninas e a beijou. Sabia do envolvimento de Spencer com Ian e da bulimia de Hanna. 

Courtney constantemente provocava as meninas com comentários que as deixavam atormentadas. Nenhuma delas entendia as indiretas de Courtney, apenas cada uma das meninas. Nenhuma delas tinha coragem de censurá-la ou enfrentá-la para que parasse com as brincadeiras. Além do medo de que Courtney contasse o que sabia, elas estavam envolvidas na Jenna Thing, o evento traumático que cegou Jenna e que Courtney definiu como o segredo que as manteria unidas para sempre. E nenhuma delas queria voltar para o anonimato.

A única que teve coragem de enfrentar Courtney foi Spencer. Durante a festa do pijama, quando Courtney tentou hipnotizar as meninas, Spencer se recusou a ficar totalmente no escuro e com as cortinas fechadas, apenas a luz de velas. Ela e Courtney começaram a discutir e foram para fora do celeiro. Spencer empurrou Courtney e as duas começaram uma discussão com Courtney dizendo que Spencer não era sua amiga e que Ian só tinha a beijado porque ela mandou, como prova de amor. Após ser empurrada, Courtney disse que amigas não empurravam amigas.

Por causa dessa briga, Spencer passou boa parte dos livros achando que era a responsável pela morte da amiga. Ela sofria de perda de memória e esse fato ficou bloqueado em sua mente por um longo tempo.

Quem sabia sobre Courtney?

Jason, Melissa, Jenna e Wilden sabiam sobre as gêmeas. Nos livros, não fica explícito se Jason realmente sabia sobre a troca das irmãs. Frequentemente ele visitava Courtney no Radley e durante o rápido envolvimento que teve com Melissa, ela tomou conhecimento das gêmeas. 

Wilden sabia porque era o melhor amigo de Jason na época da escola. Ian flagrou as irmãs conversando na floresta e contou para Spencer. Jenna era vizinha dos DiLaurentis e conheceu Courtney. Inclusive, em uma das fotos que -A enviou para Spencer, aparecia Alison, Jenna e uma menina loira brincando no quintal. 

Quando Alison assumiu o lugar de Mona como -A, ela tratou de silenciar todos que sabiam da existência das gêmeas. Ian e Jenna foram assassinados e Melissa iria ser morta junto com as Liars no incêndio na cabana em Poconos.

A sra. DiLaurentis aparenta desconfiar que Courtney pudesse ter aprontado alguma coisa e estivesse envolvida no sumiço de Ali. Após a festa no celeiro, ela pergunta para as meninas se Ali estava sendo perturbada por alguém ou tinha feito algum comentário sobre alguma pessoa que lhe pudesse fazer mal. Ela também proíbe Hanna de entrar no quarto de Ali após o desaparecimento da filha. Embora se comporte de maneira que de a entender que sabe do que Courtney seria capaz, nada fica confirmado.

A verdade por trás de Ali matou Ali:

Quando recebeu a mensagem do além, Aria concluiu que Ali tinha se matado. Era a única explicação para as palavras que Esmeralda escrevera no papel durante o momento que estava em transe no quintal dos DiLaurentis. 

No livro #8, quando as meninas analisam melhor as fotos polaroid que tiraram no celeiro durante a festa do pijama, uma pessoa loira as espiava pela janela. Naquela época Courtney estava aflita porque Alison estava em casa e ela sabia que seria desmascarada. 

Alison matou Courtney e a jogou no quintal da própria casa. Era Alison que aparecia na foto espiando as meninas e a tal loira que Ian viu na floresta. 

Foi no Dia do Trabalho que Courtney morreu. Nos EUA, a data é comemorada na primeira segunda- feira de setembro.



Alison aproveitou a morte de Mona e assumiu a identidade de -A. As mensagens que enviava davam pistas sobre a existência das gêmeas, mas essa possibilidade nunca passou pela cabeça das meninas. Coube a família DiLaurentis xocar a todos anunciando a existência de outra filha, após Billy Forbes ser preso como o assassino de Alison.

Conclusão:

Courtney realmente morreu e Alison é o segundo -A. Após incendiar a cabana em Poconos, as meninas acreditam que ela morreu queimada. A polícia afirma que seria impossível alguém escapar com vida daquele incêndio. O corpo de Ali nunca foi encontrado. 

Após o incidente em Poconos, várias pessoas afirmam ter visto Ali em diferentes lugares. As próprias Liars são pegas de surpresa quando se deparam com uma menina loira e cheia de marcas de queimaduras pelo corpo na Jamaica, chamada Tabitha. 

O 12º livro da saga, Burned, saiu essa semana nos Estados Unidos e, segundo especulações, Ali poderia retornar. Caso seja verdade, faço um post especial.

Na série:

Assim como nos livros, tudo o que sabemos sobre Ali é através de flashbacks. Até agora, não foi confirmado que existem as gêmeas, mas tivemos várias pistas que indicam as irmãs na série. 

Também sabemos que Ali guardava muitos segredos e tinha uma vida secreta, a ponto de criar um alter ego para manter tudo no mais absoluto sigilo. Para nossa surpresa, ela foi a primeira vítima de -A e na pele de Vivian Darkbloom passou seus últimos dias atrás do autor das ameaças que vinha recebendo.

Ela desapareceu durante a festa do pijama e as semelhanças desse mistério param por aí. A série incrementou a secreta vida de Ali com novos personagens e aumentou o número de pessoas com quem ela estava envolvida. Nos dois especiais de Haloween fomos bombardeados com pistas que indicam que Courtney existe e que Ali pode estar viva. Além das aparições para as meninas, a mão que brotou da terra no quintal dos DiLaurentis nos fez ter certeza que, seja quem foi dada morta, não estava tão morta assim.

Nos livros, as meninas se decepcionam com Ali a medida que descobrem que eram manipuladas pela amiga e não morrem de amores por ela. Na série, as meninas parecem gostar de Ali, apesar de saberem que ela escondia muitos segredos.

Para saber mais sobre Courtney na série leiam essa review do Entre Parágrafos. Aqui no blog já publicamos posts que indicam que Ali pode estar viva e uma teoria envolvendo a complexa troca das gêmeas.

Para finalizar o post, uma observação: as capas dos livros sempre estampam uma das Liars de acordo com a descrição literária. No entanto, a personagem principal da história, Alison/Courtney, nunca foi retratada. As Liars, na série, não são idênticas, nas características físicas, aos livros. Mas Ali manteve todas suas características. Da mesma maneira que é descrita no livro, ela aparece na série.






A seção Série vs Livro termina aqui. Espero que tenham gostado! 

Agora vamos começar o aquecimento para a estréia da fase 3B. Até mais!

Update: após a publicação de Ali´s Pretty Little Lies várias revelações bombásticas sobre Alison, Courtney e a troca das gêmeas foram feitas. Saibam mais nos posts I e II.

2 comentários:

  1. Gostaria de saber em qual livro a Alison aparece? Ou ela desaparece e nunca mais volta nos livros?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karoline. Nos livros a Alison aparece na maioria da vezes em flashback, como na série. Livros em que ela aparece de verdade, fazendo parte da história são o 8, Os Segredos de Ali, 14, 15 e 16.

      Excluir