expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass' oncontextmenu='return false' ondragstart='return false' onkeydown='return checartecla(event)' onselectstart='return false'>

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Comentário 6x01 - Game On Charles + 6x02 - Songs Of Innocence

Os traumas da dollhouse

Após passarem uns dias do lado de fora da dollhouse debaixo de sol e chuva, sem comida e bebida, as meninas são convidadas a retornarem para o inferno subterrâneo de Charles. Demorou, mas finalmente -A elevou seu jogo para outro nível. O que antes era apenas teoria se converteu em prática de uma maneira insana. Antes de trancafiar e isolar as meninas em seus quartos, Charles fez Mona experimentar uma versão nada agradável de Alison e as quatro sentirem a morbidez de como é estar em uma mesa gélida de necrotério. Em seus respectivos quartos e cova, Charles submeteu cada uma delas a um tipo de tortura física e psicológica. Pós-dollhouse, nenhuma delas está pronta para falar sobre o que aconteceu durante esse período de isolamento. Vimos flashs de alguns dos jogos doentios de Charles que resultou em uma Spencer insone; uma Aria agressiva, desesperada para provar para si mesma que Andrew atrás das grades é o fim de tudo; uma Emily violenta, apelando para armas de fogo para dar um basta nos abusos e Hanna arredia, impaciente e atormentada por cada lembrança que seu quarto reproduz em sua mente. 

Alison, Caleb, Ezra e Toby se uniram para encontrar as meninas e passaram a perna em Tanner e na polícia. Charles se aproveitou do plano de Alison e conseguiu levá-la até a dollhouse. Apesar de não ter ficado claro qual era o objetivo de Charles em reproduzir a noite do celeiro com a verdadeira Alison, levar Alison até a dollhouse era seu objetivo. O que Charles não esperava era as meninas se rebelarem e incendiarem a dollhouse, arruinando seu plano e suas lembranças de uma infância infeliz - e o festival do top amarelo, que só não foi completo porquê CeCe não estava lá. O quadro com as fotos dos bebês já é um dos principais temas de teorias do começo de temporada. 

Andrew

Mais uma vítima de -A, Andrew foi preso como principal suspeito de ser o responsável por tudo que aconteceu com as meninas. Tanner reuniu provas e mais provas contra ele. Entre diários e fazendas de maças, tudo conspira contra Andrew menos o principal: ninguém, até agora, viu ele agindo como -A. O que faz toda diferença. Apesar das evidências, a maioria das pessoas não parece convencida de que Andrew é culpado. Porém, diante das circunstâncias, o importante é decretar o fim de -A. Toby quis surrá-lo antes de colocá-lo atrás das grades. Aria inventou que viu seu rosto uma vez. Sara não está tão certa de que Andrew é -A. Spencer e Alison não chegaram a um consenso de como Andrew Campbell pode ser Charles DiLaurentis. 

Alison e Toby

A mais do que mal explicada relação entre Alison e Toby continua uma incógnita. A união entre eles durou o tempo necessário para descobrir o paradeiro das meninas. Pós-dollhouse, a tensão voltou a ditar o tom da relação entre eles. Toby e Alison, no 5x15, não tiveram uma conversa amigável na prisão. Na época, nenhum dos dois fez questão de ser simpático. No 6x02, Alison fez a simpática e foi desprezada por Toby policial. 

Sobre Alison e Lorenzo. Todos perceberam o clima entre os dois? 

Sobre Toby policial. Desde que Toby se tornou policial, uma situação tem sido constante nos episódios em que -A aparece agindo e Toby, como policial. Quando Toby aparece andando, tipo entrando em algum lugar, a câmera foca em suas pernas antes de mostrar seu rosto; mais especificamente, nas calças e nas botas. O mesmo acontece com -A. Essa situação aconteceu no 5x15, 5x25 e no 6x01. 

Sobre Emily. O que fez Emily concluir, assim como Mona, que -A tem uma alma? No quarto de Charles, Emily repetiu a sentença de Mona/6x01. Por que?

Sara Harvey

Sara está mentindo sim ou com certeza? Falando nada com nada, Sara sai do hospital, volta para casa, foge de casa e diz estar na dollhouse há dois anos. Considerando que Charles é a pessoa que roubou o jogo de Mona E que a dollhouse é seu master-plano, o que Sara estava fazendo lá há dois anos? 

Sobre o 6x01. Game On Charles foi um episódio excelente, um ótimo começo de temporada. Um episódio tenso, sombrio e que encenou a temática da série como deveria acontecer sempre e como raramente vemos. O começo do episódio, mostrado pelo ponto de vista de Sara, foi um dos destaques da premiere. 

Sobre o 6x02. Songs Of Innocence foi um episódio desperdiçado; o que é muito ruim para um começo de temporada. Focado em explorar os traumas das meninas, o episódio deixou muitíssimo a desejar ao optar por mostrar o resultado dos traumas e reduzi-los a flashes. Resumindo: não acrescentou nada. 

4 comentários:

  1. Eiiiii o que aconteceu???? Aguardávamos um comentário mais cheio de detalhes... Mais cheio de emoção!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rosa. Faltou emoção, né? Nós sabemos. Foi falta de tempo mesmo ::(

      Excluir
  2. Só eu que achei a conversa da Ali e Toby meio em código ? Sei lá, o jeito que eles falavam futilidades com olhares significativos e até o Lorenzo percebeu porq ele ficou olhando a conversa com cara de WHAT?!?
    E tbm no 6x02, acho que não foi um episódio totalmente desperdiçado. Teve um momento que a Hanna tava sentada no chão do quarto e a Ashley chega e no primeiro momento vemos ela pelo espelho aí eu lembrei q todas as vezes q Hanna viu a Red coat foi por reflexos e como já vi teorias de que a Ashley poderia ser a terceira red coat fiquei encucada com essa cena.
    O comportamento da Aria foi muito estranho em alguns momentos, querendo culpar o Andrew e td mais. Não a tiro da razão de querer que o suposto culpado pague pelo q fez a ela mas aquilo de mentir pra polícia foi muito desesperado. ( e a mãe dela pedindo ajuda pra preparar um chá foi muito "dollhouse").

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Tamires. Tb achei a conversa da Ali e do Toby meio estranha. Passou a impressão que ela estava querendo falar/saber alguma coisa e ele não "entendeu".

      Excluir